Qual é o momento perfeito para avançar >> na vida?

 

Você sente que sua vida está dando trancos?

Você sente que precisa avançar,  mas não consegue?

Será que você tem andado na marcha correta?

Esses dias eu estava pedalando e tive dificuldade de mudar de marcha, toda vez que eu tentava avançar, a bicicleta dava uns tranquinhos. Voltei para a marcha mais leve, tentei passar novamente, mas não estava rolando da forma que deveria. Percebi que estava fazendo alguma coisa errada.

Então eu regredi e comecei a pedalar mais rápido,  quando o movimento começou a fluir,sem parar de pedalar, eu passei a marcha novamente e ela entrou, suave e sem solavancos.

O meu corpo,  que acompanhava o movimento da bike também evoluiu automaticamente,  com mais força e intensidade.

Eu tinha acabado de meditar, e estava no modo de atenção plena (mindfullness), E essa situação me despertou para uma reflexão sobre a vida, que quero dividir com vocês agora. Na hora me senti tão inspirada que até gravei um vídeo, que vocês podem ver na minha página do Facebook.

Acontece que a vida funciona com o mesmo mecanismo da bicicleta 🚲, ou de um carro. As vezes queremos avançar na vida ou nos nossos sonhos, ir mais rápido, alcançar um próximo nível, mas parece que a coisa não vai. Quando o fazemos sem antes ter atingido a velocidade necessária para que a mudança aconteça de forma automática, a marcha entra engasgada, barulhenta e desconfortável.

Antes de qualquer coisa,  é necessário estar em movimento para que a mudança aconteça gradativamente, se você souber identificar o momento ideal, a coisa acontece sem que você sinta a entrada da marcha, suave e macia.

Se seu corpo e mente estiverem conectados com a vida, assim como quando você está dirigindo ou pedalando, você sente claramente a hora que deve avançar,  a Vida te avisa!

A nossa pressa e imediatismo as vezes nos fazem querer entrar já na última velocidade, já deu partida em um carro engatado?

Sabemos que o carro não vai andar assim, e se você estiver de bicicleta e começar na marcha mais pesada, ou você não irá conseguir mover o pedal, ou pode até sair pedalando, mas vai se cansar em breve, vai precisar se esforçar muito, será dolorido e pode fazer você desistir.

Também acontece de estarmos prontos para trocar a marcha e ficarmos adiando, por mais que você tenha atingido a velocidade,  a decisão de mudar a marcha é sua, a bicicleta não faz isso sozinha, nem a vida. Andar mesmo que em uma marcha leve, ou mais devagar, também fica cansativo e desgastante. Parece que você pedala, pedala e não sai do lugar! Já sentiu isso?

Não importa em que marcha você está agora em sua vida, esteja em movimento, tome o controle da direção, se conecte com o seu veículo,  que é o seu corpo e sua alma, e progrida para a segunda, terceira,  quarta…

Sinta o vento que bate no seu rosto, sinta a firmeza e estabilidade de estar se movendo na intensidade perfeita!

Se você curtiu esse texto, não deixe de compartilhar,  comentar e curtir!

Me sinto acelerando de 0 a 100, em questão de segundos,  cada vez que recebo um e mail,  um compartilhamento, uma curtida.

Juntos vamos longe!

Sua parceira de Jornada

Luana Cezar

VEJA TAMBÉM:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *